Arquivo da categoria: Não funcionou

Bebê no hospital – jantar virou leite

Então, né. Hoje teríamos visita para jantar e o cardápio seria risoto, com figo e dois queijos, ao vinho do porto em lugar de vinho branco.

Mas a bebê mais nova ficou doente, com febre muito alta e do pediatra fomos direto ao hospital fazer exames. Jantar cancelado. O risoto foi subistituido por um copo de leite quente com gemada. Feito em 5 min, depois de todos irem dormir.Foto do blog: Confesso que Comi

Amanhã tem mais. Podem deixar. Com a bebê bem, me vendo cozinhar.

Até.

Bife assado – não faça isso…

Pois é, mas eu fiz.

Tá, a idéia original era usar o contra-filé em bifes que eu tinha em casa. Mas eu não queria fritar ou grelhar os bifes. Queria algo diferente.

A receita original está no “O grande livro de receitas Cláudia“. Era de contra-filé ao forno com purê de maçã. Só que o livro pede uma peça de contra-filé assada de 1 a 2 horas.

Eu pensei: “em bife deve assar em 40 minutos”. Pois é. Não assou. Ou melhor. Assou, mas no instante que eu tirei do forno ficou dura. Dura. Dura. Dura como a capa do bendito livro.

E olha que tinha a maçã ralada em cima, efeito crocante e gosto bom. Mas não deu.

O maridão fez cara de feliz, disse que “o gosto estava bom”, mas seus dentes não conseguiram mastigar nem meio bife. Coitado, acabou comendo seleta de legumes.  Eu, claro, comi o meu todinho. De raiva.

No dia seguinte minha mãe falou: “mas bife é para assar?” E não é? Carne não é tudo igual? Digo, se a peça toda pode assar, porque fatiada em bife não pode? Alguém sabe?

Paciência. Da próxima eu faço bife cozido na panela.

O bebê penou para comer

Fiz o que deveria ter sido a primeira papinha para o bebê amassada com garfo (chamada de grumosa – Grumosa, que palavra mais eca!) em lugar de processada no liquidificador.

Os ingredientes básicos – mandioquinha, batata, cenoura, alface, frango, tomate, cebola, gema de ovo. Só que no meio do cozimento eu lembrei do arroz. Detalhe: eram 10h50 e o bebê deveria comer 11 horas.

Me embananei, desliguei o fogo antes porque o bebê já estava chorando de fome. O arroz ficou “al dente”. Para um bebê de 8 meses é o mesmo que crú.

Resultado: passei mais tempo amassando a papinha que se tivesse feito uma nova.

Tadinho…